SEGURANÇA ELETRÔNICA

O que é Segurança Eletrônica

      A segurança eletrônica conta basicamente com quatro segmentos: os alarmes, os circuitos fechados de TV, os controles de acesso e os sistemas integrados.
      Um dos serviços de que mais se ouve falar atualmente é o monitoramento. Em caso de uma invasão e disparo de alarmes dotados de monitoramento, um sinal é enviado para a central da empresa de monitoramento 24h. Esta aciona sua própria equipe para checar o local (depende do plano de monitoramento) e, se necessário, chamam a polícia, médicos ou bombeiros.
      No sistema de MONITORAMENTO 24h de alarmes o local protegido é dotado de botões de emergência (pânico), que são dispositivos instalados em locais estratégicos, funcionam até quando o sistema de alarme estiver desativado, a partir do qual o usuário pode acionar silenciosamente, alertando diretamente a central de monitoramento. A central telefona para o cliente, para checar o problema ocorrido, se o cliente não falar a senha é porque está sob coação de terceiros.

Um sistema de alarme contra invasão é composto por:

Uma Central de alarme, Bateria, Sensores, Sirenes e Acessórios, com e sem fios.
São ativados/desativados por meios de teclado (senhas), controle remoto, chave, etc.
No caso de invasão, os sensores captam os movimentos, enviam um sinal ao painel de alarme que:
1) Disparam as sirenes, acendem luzes, etc.
2) Discam para os números de telefones previamente programados, avisando que houve uma invasão.
3) Ou acionam a central de monitoramento 24h, que rapidamente toma as devidas providências.
No caso de o invasor cortar a energia, a bateria sustenta o sistema por +/- 8h.